Waldemar Bastos Vence Prémio Nacional de Cultura e Artes na Música

0
Foto: DR
Upper Digital Marketing
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O músico Waldemar Bastos é o vencedor do Prémio Nacional de Cultura e Artes, edição 2018, nas modalidade musical, anunciou nesta quarta-feira, em Luanda, o presidente do júri Vatómene Kukanda.

Segundo o júri, o prémio foi-lhe atribuído como incentivo pelo facto de as suas composições e interpretações incidirem sobre a música revolucionária, popular urbana e clássica de dimensão nacional e internacional.

Waldemar dos Santos Alonso de Almeida Bastos, conhecido como Waldemar Bastos, nasceu em M’Banza Kongo, capital da província do Zaire, em 4 de Janeiro de 1954.

É um músico e compositor que combina o afropop, fado e influências brasileiras.

História

Começou a cantar com uma idade muito precoce utilizando instrumentos do seu pai. Após a independência de Angola em 1975, emigrou para Portugal.

Waldemar Bastos considera a sua música como reflexo da própria vida e suas experiências, composta para elogiar a identidade nacional. Os seus temas fazem um apelo à fraternidade universal. Ao longo dos mais de 40 anos de carreira foi distinguido com um Diploma de Membro Fundador, de 25 anos, da União dos Artistas e Compositores (UNAC-SA) e um Prémio Award, em 1999, pela World Music.

O jornal New York Times considerou, em 1999, o seu disco “Black Light” uma das melhores obras da época.

Discografia

1983: Estamos Juntos (EMI Records Ltd) 1

989: Angola Minha Namorada (EMI Portugal)

1992: Pitanga Madura (EMI Portugal)

1997: Pretaluz [blacklight] (Luaka Bop)

2004: Renascence (World Connection)

2008: Love Is Blindness (2008)

2012: Classics of my soul (2012)

O Prémio Nacional de Cultura e Artes é atribuído nas categorias de literatura, artes plásticas, dança, música, teatro, cinema e audiovisuais, investigação em ciências humanas e sociais, festividades culturais populares e jornalismo cultural.

O Prémio Nacional de Cultura e Artes é a mais importante distinção do Estado Angolano neste sector, tendo como principal objectivo incentivar a criação artística e cultural, bem como a investigação científica no domínio das ciências humanas e sociais.

O prémio constitui uma homenagem e incentivo ao génio criador dos angolanos, de modo a perpetuar entre os cidadãos ideias tendentes à compreensão das múltiplas formas da criação artística e diversidade das manifestações linguísticas e culturais do povo e da Nação.

 NA/ANGOP

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.