Programa “Mwana Afrika” na grelha de programação de TV brasileira

0
Foto: DR
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por: Ivanine Silva

Depois de se ter notabilizado na comunicação social angolana, Mwana Afrika, jornalista e estudiosa das culturas africanas, estreiou-se recentemente, como apresentadora e criadora de conteúdos da maior plataforma de cultura e conteúdo afro, no Brasil, país com a maior população negra fora de África.

Trata-se do “Trace Brasil”, canal lançado a 25 de Julho, de conteúdo voltado à cultura Afro e protagonizado por criadores negros, do qual Mwana Afrika, é um dos principais alicerces. O canal é uma filial da empresa de media francesa Trace Global.

“Teremos a Mwana Afrika, reposicionando esse lugar de ancestralidade na cabeça de muita gente, reposicionando a ideia de quem sempre foi martelada na quebrada de que a ancestralidade é amaldiçoada e o negro precisa fazer uma conversão para poder ser uma pessoa melhor na vida”, apontou o responsável de marketing da Trace Brasil.

Principal rosto do magazine “Mwana Afrika – Oficina Cultural”, a apresentadora tem levado educação e cultura aos telespectadores em Angola e além fronteiras, através do canal internacional da TPA.

O canal terá 24 horas de programação e tem planos de promover obras de ficção e documentários de criadores negros.

Sandra Elizabeth Quiala ou simplesmente Mwana Afrika, é uma jornalista e economista angolana, com passagens pela RTP África, Novo Jornal e Rede Angola, que notabilizou-se na transmissão de conteúdos relacionados ao continente berço.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome.