Malamba expressa confiança tricolor na conquista do Girabola

0
Fotos: Nambi Wanderley
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por: Ivanine Silva

Sidónio Malamba, Director técnico para o futebol de alta competição do Petro Atlético de Luanda, é o rosto da confiança, da direcção do clube do eixo-viário, na conquista do Girabola, mais de uma década depois.

Em entrevista ao Notícias de Angola, o antigo avançado que terminou a sua carreira no Petro de Luanda, expressou o desejo e a confiança, em torno do tão desejado trófeu de campeão nacional de futebol, que foge ao clube desde a altura em que ainda era jogador.


Sidónio Malamba, Director técnico para o futebol de alta competição do Petro de Luanda

Questionado sobre se esta é época em que o Petro finalmente conquista o Girabola, Malamba foi peremptório em responder: “Tudo aponta que sim, estamos a fazer tudo para que tal desiderato possa acontecer no final da temporada. E acreditamos que desta vez conseguiremos conquistar o título”.

Apesar do fraco desempenho na Liga dos Campeões Africanos, nesta época, o dirigente demonstrou que não houve uma quebra na confiança dos tricolores e segundo o mesmo, já se vai preparando a participação na próxima edição da prova, que se perspectiva melhor.

Sobre os 40 anos do clube, Malamba, acentuou os números e troféus conquistados pelo clube durante o tempo de existência do mesmo, como factores elucidativos da sua grandiosidade dentro e fora do país.

Sidónio Malamba Carvalho Inácio, de 40 anos de idade, foi um avançado que teve passagens pelo ASA, onde fez a sua formação, passou também por três clubes em Portugal.

Terminou a sua carreira, no Petro Atlético de Luanda, em 2010, depois de ter estado presente no último Girabola conquistado pelo clube, em 2009, e somou também 70 jogos pelos Palancas Negras.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.