Funcionários do Ministério da Saúde acusados por desvios de fundos

0
noticias de angola funcionarios do Ministério-da-Saúde acusados por desvios de fundos
Upper Digital Marketing
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O tribunal público em Luanda, agendou próxima segunda-feira (13) de Novembro, o início do julgamento de três funcionários do Ministério da Saúde acusados do desvio de quase 400 milhões de kwanzas) do programa de combate à malária.

Segundo a informação que o NN teve acesso, o caso foi tornado público em Março de 2016 pela Organização Não-Governamental (ONG) internacional The Global Fund, que financiou o programa de combate à malária em Angola, verbas que foram posteriormente devolvidas pelo Ministério da Saúde.

Os três funcionários chegam ao Tribunal Provincial de Luanda acusados do crime de peculato, mas o início do julgamento foi hoje adiado pela terceira vez a pedido dos réus, para constituição de novos mandatários, explicaram os advogados, no final desta sessão, recordando igualmente a complexidade do processo, com cerca de 4.000 páginas.

A The Global Fund concluiu que cerca de 4,3 milhões de dólares em fundos destinados ao programa de combate à malária foram desviados por dois responsáveis locais. Agora, mais de um ano depois, a acusação do Ministério Público imputa a três arguidos o desvio de cerca de dois milhões de euros.

 

Texto: Redacção NN, Foto: Nambi Wanderley

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome.