Filme angolano “Ar Condicionado” seleccionado para o festival We Are One 

0
Foto: DR
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Redacção NA

O primeiro longa-metragem angolano de ficção, “Ar Condicionado” realizada por Fradique, com produção da Geração 80, é um dos filmes seleccionados para o festival online “We Are One: A Global Film Festival”. 

De acordo com uma nota que o NA teve acesso, a iniciativa do Tribeca Film Festival em parceria com o YouTube e outros grandes festivais internacionais de cinema como Sundance, Cannes, Toronto, Roterdão, será transmitido de forma gratuita em todo mundo, através do YouTube, a partir hoje (29) até ao dia 7 de Junho de 2020. 

O festival vai decorrer durante 10 dias e poderá ser visto no link www.youtube.com/weareone, a estreia do “Ar Condicionado” será no dia 6 de Junho às 16h:45, horário local e ficará disponível gratuitamente durante uma semana. A programação do festival incluirá longas e curtas-metragens de ficção, documentários, música, comédia e debates.

Num momento em que o mundo atravessa momentos muito complicados, o festival vai reunir filmes de vários realizadores seleccionados por curadores, com objectivo de fornecer alívio e entretenimento para as pessoas de todo o mundo sem qualquer custo, imergindo o público em histórias de todo o mundo e dando voz aos cineastas em um cenário global. 

Durante o festival, o público poderá fazer doações para o combate à Covid-19, e todas as receitas angariadas serão reencaminhadas para a Organização Mundial da Saúde (OMS) e para várias instituições em todo o mundo. 

Escrito, produzido, filmado e editado integralmente em Angola, o filme “Ar Condicionado” nasce da urgência de se fazer mais cinema de ficção em Angola, reafirmando o compromisso da GERAÇÃO 80 com o cinema independente de autor e relembrando que o cinema em Angola está vivo.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.