Adão de Almeida clarifica regras sobre cerca sanitária

0
Foto: Nambi Wanderley
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por: Ivanine Silva

O Ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Adão de Almeida, clarificou, na noite deste sábado (11), algumas das principais medidas do novo decreto presidencial sobre a Situação de Calamidade Pública.

Numa altura em que tem se observado o incumprimento de algumas das principais medidas do decreto de Situação de Calamidade Pública, nas localidades em que foram instaladas cercas sanitárias, com maior incidência para Luanda, Adão de Almeida, reiterou a importânciado cumprimento das mesmas, com vista no corte da cadeia de transmissão do vírus.

Ao falar na conferência de imprensa da Comissão Multissectorial, o dirigente, referiu que existe no seio dos cidadãos, uma interpretação errada das regras impostas em locais sob cerca sanitária.

De acordo com o Ministro, as entradas e saídas em locais em que esteja instalada uma cerca sanitária, é simplesmente permitida para transportes de bens e serviços essenciais, de pessoas doentes e para ajuda humanitária.

Outro aspecto focado, tem de ver com os ajuntamentos, que ficaram limitados a 15 pessoas, em residências e 10 em locais públicos, sendo proibida a realização de festas ou eventos similares.

A nova extensão da Situação de Calamidade Pública, entrou em vigor no último dia 9 e terminará a 9 de Agosto.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome.